Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Prémios “Municípios do Ano 2019”: Palmela entre os finalistas, com projeto intermunicipal

Territorio arrabida 1 1024 2500
2019/10/28

O Município de Palmela encontra-se entre o lote de finalistas nos prémios “Municípios do Ano 2019”, com o projeto intermunicipal “Território Arrábida - Património Partilhado”, que congrega, também, Sesimbra e Setúbal. Este concurso é promovido pela Universidade do Minho, através da plataforma UM-CIDADES, que distingue as boas práticas autárquicas, em vários domínios de intervenção.

“Território Arrábida - Património Partilhado” é um projeto que unifica a política de implementação de projetos intermunicipais, num compromisso que concorre para uma gestão integrada e sustentável de um território partilhado, com valores naturais e patrimoniais únicos, em torno de uma marca comum.

As áreas de atuação estendem-se da mobilidade urbana à inclusão social, passando pelo desenvolvimento do turismo sustentável, num investimento global superior a 9 milhões e 200 mil euros, com cofinanciamento de 50 por cento do FEDER sobre o valor considerado elegível e do Fundo Social Europeu, que comparticipou com 765 mil euros.
No momento, estão em curso quatro grandes operações, fruto desta parceria, em diferentes áreas de atuação e que se consubstanciam nas seguintes intervenções:

- PRARRÁBIDA - Plano de conservação, valorização e promoção do património histórico, cultural e natural da Arrábida;

- HUB 10 - Plataforma Humanizada de Conexão Territorial, que tem como eixo central a melhoria da mobilidade e das acessibilidades num troço da Estrada Nacional 10 que conecta os três municípios;

- Ciclop 7 - Rede Ciclável da Península de Setúbal, responsável, por exemplo, pela criação de 32 quilómetros de ciclovias com conexões intermunicipais;

- PRIA - Percursos em rede para a inclusão ativa, dedicado às áreas da saúde, bem-estar e inclusão social.

Para o futuro e no âmbito do próximo quadro comunitário de apoio, foram, já, definidos outros eixos principais de atuação, como as Smart Cities, tendo por objetivo a elevação do território Arrábida ao estatuto de “Human & Happy Smart City”, com recurso às novas tecnologias e metodologias participativas, o “Planeamento e Ordenamento” e a “Sustentabilidade Económica e Financeira do Território”, eixo ligado a questões como eficiência energética e descarbonização, o ciclo da água, a mobilidade e os transportes, a capacitação do território, das organizações e das pessoas, a competitividade do tecido empresarial, as economias Azul e Verde, a Economia Circular e a Indústria 4.0.

Na edição de 2016 dos prémios “Municípios do Ano”, Palmela foi distinguida com o Projeto “Academia da Proteção Civil de Palmela”, voltando a repetir a distinção em 2017 com o projeto “Centro Histórico de Palmela - Lugar, História e Futuro”. A cerimónia da entrega de prémios está agendada para 15 de novembro, em Arouca, vencedora do prémio 2018.

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados