Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Março

  • A Cruzada - de Robyn Young

    20191121162757[1]

    Depois de no livro A Irmandade, Will Campbell ter atingido a maioridade entre conspiração, paixão e intriga, e após anos de derramamento de sangue, a Irmandade ajudou a estabelecer uma trégua entre Cristãos e Muçulmanos. Mas, Will teme agora que tenham sido traídos. O rei Edward de Inglaterra prometeu ao papa que lideraria uma nova Cruzada, enquanto no próprio Acre um conluio implacável de mercadores ocidentais, que especula em escravos e armamento, conspira para reacender as hostilidades na Terra Santa. Entretanto, no Egipto, o sultão Baibars é apanhado numa luta de poderes. À medida que a guerra toma forma, Will fica dividido entre o seu juramento como templário, o seu papel secreto na Irmandade e o seu dever para com Elwen, a amada com quem está proibido de casar. Will fica aprisionado no seio de uma devastadora teia de desilusão e destruição quando ele e os que o rodeiam se precipitam num dos mais dramáticos momentos da história. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Civilização
    Ano: 2007
    Pags: 527
    ISBN: 978-972-26-2625-5
  • A Mennulara - de Simonetta Agnello Hornby

    20191204110233[1]

    La Mennulara é o primeiro romance de Simonetta Agnello Hornby . Publicado em 2002, conta a história da vida e da morte de Rosalia Inzerillo, conhecida como la Mennulara (a colhedora de amêndoas), no quadro de uma Sicília apertada em suas contradições. Mais vendido em 19 idiomas, o livro recebeu o Prêmio Literário de Forte Village em 7 de junho de 2003; no mesmo ano, ganhou o Stresa Fiction Award e o Alassio Centolibri Award - um autor para a Europa e foi finalista do prêmio de quinta-feira "Marisa Rusconi" .

     

    Editora: Dom Quixote
    Ano: 2004
    Pags; 247
    ISBN: 972-20-2553-8
  • Anne das Empenas Verdes - L.M. Montgomery

    20200214134520[1]

    Ao criar a personagem de Anne, Lucy Montgomery deu ao mundo da ficção clássica uma das suas mais importantes heroínas.

     

    Editora: Relogio d´Agua
    Ano: 2017
    Pag.: 357
    ISBN: 978-989-641-716-1
  • A Teoria de tudo - de Stephen W. Hawking 

    20200130144518[1]

    Grande divulgador de ciência mas também cientista brilhante, Hawking acredita que os avanços da física teórica devem «poder ser compreendedidos pelo grande público, e não apenas por alguns cientistas». Neste livro, propõe-nos a extraordinária aventura da descoberta do cosmos e do nosso lugar nele. Em sete lições, responde à curiosidade de todos aqueles que já olharam fascinados para o firmamento e se perguntaram o que há lá em cima e como foi lá parar. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Gradiva
    Ano: 2018
    Pags: 149
    ISBN: 978-989-616-293-1
  • Breve história do tempo - de Stephen Hawking

    20200212121126[1]

    Escrito por uma das mentes mais brilhantes do nosso tempo, Breve História do Tempo explora as questões profundas que todos já nos colocámos:

    Como teve início o Universo e o que tornou esse início possível?
    O tempo segue sempre em frente?
    O Universo é mesmo infinito, ou há um limite para a sua expansão?
    Existem outras dimensões no espaço?
    O que acontecerá quando tudo acabar?

    Numa linguagem que todos conseguem compreender, Breve História do Tempo mergulha nos reinos exóticos dos buracos negros e dos quarks, da antimatéria e das «setas do tempo», do Big Bang e de Deus - reinos onde as possibilidades são assombrosas e surpreendentes.
    Recorrendo a comparações inesperadas e fazendo uso da sua prodigiosa imaginação, Stephen Hawking põe-nos frente a frente com os derradeiros segredos da criação. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Gradiva
    Ano:2019
    Pags.: 228
    ISBN: 978-972-662-010-5
  • Brincar com coisas sérias - de Margarida Fonseca 

    20200228104507[1]

    A partir da sua experiência, e contando com o poder das palavras, Margarida Fonseca Santos e Rita Vilela escreveram, em 2008, Histórias para Contar Consigo. Dois anos depois repetem a brincadeira e dão a conhecer novos contos que desafiam o leitor a conhecer-se melhor.
    Brincar Com Coisas Sérias é um livro que se torna num jogo e que proporciona momentos divertidos e de grande cumplicidade. Ao acabar uma história há várias perguntas e uma escolha; e outra história, e mais perguntas e escolhas, e no final - está preparado para o que vai ouvir?
    Um livro para todos: pais e filhos, família e amigos, professores e alunos. Brincar com Coisas Sérias é um livro a pensar em si e nos outros. Junte os amigos ou a família, encontre-se consigo mesmo, leia a primeira história e faça a primeira pergunta. Depois, deixe-se surpreender pelo resultado final. Está disposto a arriscar? (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Oficina do Livro
    Ano: 2010
    Pags: 154
    ISBN: 978-989-555-528-4
  • Frente a Frente com a vida, a mente e o universo - de Eduardo Punset

    20200302143456[1]

    Nas últimas décadas, a ciência deu passos de gigante. Os cientistas da segunda metade do século XX e do início do XXI alcançaram, em muito pouco tempo, níveis inimagináveis de conhecimento. A nossa visão dos mais variados aspectos do Universo, da vida, da mente e da tecnologia mudaram radicalmente.
    Há vários anos que Eduardo Punset vem mantendo conversas com os grandes cientistas do nosso tempo com o objectivo de identificar o impacto dessas mudanças na vida quotidiana. Frente a Frente com a Vida, a Mente e o Universo recolhe os diálogos mais inovadores com esses sábios contemporâneos, desde Stephen Jay Gould a Steven Pinker, passando por Sabater Pi, Deepak Chopra, Sheldon Lee Glashow, Edward O. Wilson, António Damásio e Lynn Margulis. Este livro recapitula de forma clara, amena e rigorosa as grandes descobertas e desafios da ciência actual e responde a perguntas como estas: Como é que o Universo surgiu? Podemos confiar nas percepções do nosso cérebro? Como definir a beleza? É possível quebrar as barreiras do espaço e do tempo? O que é que nos diferencia realmente dos outros animais? Como é que os vírus actuam? O que é que explica a agressividade? Quais as leis que comandam a vida? Até onde chegará o progresso tecnológico? (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Dom Quixote
    Ano: 2009
    Pags: 422
    ISBN: 978-972-20-3749-5
  • Histórias para contar consigo - de Margarida Fonseca Santos

    20200302142547[1]

    Aceite o desafio e entre num jogo para vencer. No final de cada história as suas escolhas irão surpreendentemente mudar a sua vida.

    Histórias para Contar Consigo é um livro ou um jogo?

    A partir da experiência como terapeutas, Margarida Fonseca Santos e Rita Vilela escreveram estas metáforas que nos ajudam a crescer e a conhecer-nos a nós próprios.
    O livro começa com uma história e no fim dessa história somos confrontados com uma pergunta e várias possibilidades de resposta. A partir daqui estamos por nossa conta. A escolha leva-nos a uma próxima história, uma nova pergunta e assim sucessivamente. No final teremos aprendido mais sobre nós. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Oficina do Livro
    Ano: 2009
    Pags: 182
    ISBN: 978-989-555-393-8
  • Leitura para um Seculo - de João Caraça

    20200214110056[1]

    SERÁ QUE A LEITURA TRANSFORMA O NOSSO MODO DE OLHAR O MUNDO?

    Leituras para Um Século reúne um conjunto de textos que defendem esta ideia, e outras: a de que o ser humano pode influenciar activamente o mundo que o rodeia através dos livros que escolhe para ler; a de que podemos transformar-nos a nós mesmos se lermos determinados livros; a de que o universo e o nosso entendimento sobre ele se expandem quando tomamos contacto com certas ideias de certos pensadores (filósofos, biólogos, políticos, cientistas sociais, romancistas, entre outros). «O mundo compreende-se através da leitura de livros - mesmo na Era da Informação e da sociedade em rede. E este é um livro sobre livros, que procura responder a uma inquietação eterna: como perceber o mundo em que vivemos, moldá-lo e vivê-lo?» —da Introdução.

    As crónicas compiladas neste livro, da autoria do físico João Caraça, do sociólogo Gustavo Cardoso e do economista Sandro Mendonça, aludem a vários livros - clássicos de muitas áreas do saber e também novidades de anos recentes - que influenciaram decisivamente os autores, e que, espera-se agora, venham a influenciar os leitores. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Tinta da China
    Ano: 2018
    Pags: 231
    ISBN: 978-989-671-414-7
  • Odeio a Internet - de Jarett Kobek 

    20200130143204[1]

    Como seria se contasse toda a verdade e o mundo todo o ouvisse? E se vivesse num país afundado num pântano de afronta internética? E se fosse uma mulher numa sociedade que odeia mulheres?
    Com a São Francisco do ano 2013 como pano de fundo, Odeio a Internet oferece um hilariante e obsceno retrato da vida das vítimas do boom digital. Enquanto biliões de tweets alimentam o avanço da gentrificação nas cidades e os destroços humanos se empilham por todo o lado, um grupo de amigos sofre as consequências de se ser desnecessário num mundo novo que despreza os que não têm relevância e os que não dão lucro.

    Neste seu primeiro romance, Jarett Kobek aborda questões prementes do nosso tempo: por que motivo aplaudimos o enriquecimento de CEOs à custa dos fracos e dos que não têm poder? Por que razão desbaratamos a nossa propriedade intelectual? Porque é que o ativismo do século XXI não passa de uma série de lições de moral digitados em dispositivos construídos por escravos? Eis, finalmente, uma explanação da Internet com o detalhe mais cru possível. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Quetzal
    Ano: 2018
    Pags: 363
    ISBN: 978-989-722-410-2

  • Primos D' dwyer: Dias de esperança - de Nora Robert

    20200130145010[1]

    O livro que conclui a fantástica trilogia primos O’Dwyer.
    Branna O’Dwyer tem uma vida extraordinária. A sua pequena loja em County Mayo está a prosperar e o seu círculo próximo de amigos e familiares encontrou o amor e a felicidade. Mas o coração da jovem permanece fechado, tudo para se proteger a si e ao homem que ama de uma ameaça terrível.

    Houve um momento no passado em que a relação de Branna com Finbar Burke quase os destruiu. Ambos herdaram o dom da magia, mas Fin partilha o seu sangue com um inimigo antigo e terrível. Por isso, os dois amigos permaneceram afastados (a salvo mas infelizes), apesar de secretamente desejarem o impossível. No entanto, à medida que a batalha final se aproxima, Branna e Fin ameaçam ceder à paixão e, com isso, destruir tudo o que mais amam... (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Chá  das Cinco
    Ano: 2018
    Pags: 301
    ISBN: 978-989-710-311-7
  • Primos O' Dwyer: Caminhos do Amor - de Nora Roberts

    20200130145002[1]

    Iona Sheehan sempre ansiou por devoção e aceitação dos pais, mas foi só na terra da avó que recebeu os dois: Irlanda, país de florestas exuberantes, lagos deslumbrantes e lendas centenárias, onde o sangue e a magia dos antepassados fluem há gerações. Iona chega à Irlanda apenas com as indicações da avó, uma atitude otimista perante a vida e um talento inato com cavalos. Perto do castelo luxuoso onde está hospedada, encontra os seus primos, Branna e Connor O’Dwyer. E como família é família, eles convidam-na para a sua casa e para as suas vidas.

    Quando Iona arranja emprego nos estábulos locais e conhece o dono, Boyle McGrath, todas as suas fantasias se reúnem num só homem. Será que com ele vai conseguir viver a vida com que sempre sonhou? Infelizmente nada é o que parece. Um mal antigo espalhou-se na sua família e tem de ser combatido. E quando família e amigos lutam entre si, será possível encontrar os caminhos do amor? A autora que reescreveu as regras da ficção romântica. the guardian (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Chá das Cinco
    Ano: 2017
    Pags; 314
    ISBN: 978-989-710-297-4
  • Primos O' Dwyer: Terra dos Sonhos - de Nora Roberts

    20200130145013[1]

    Três primos herdaram um dom que irá transformar as suas vidas…
    As lendas e a sabedoria da Irlanda correm no sangue de Connor O’Dwyer e ele sente-se orgulhoso por chamar lar a County Mayo.

    É aqui que a sua irmã Branna vive e onde os seus amigos de infância formam um círculo que não pode ser quebrado.
    Meara é a melhor amiga de Branna, uma irmã em tudo exceto no sangue. Acredita que o amor é para os outros e certamente não irá cair de amores por Connor — lindo de morrer, com um bom coração e um sorriso perverso.
    É mais seguro para eles permanecerem amigos pois amar Connor seria entrar em território perigoso.

    Mas quando o mal que atravessa gerações reaparece para o assombrar, Connor terá de recorrer à família e aos amigos para o apoiar numa luta contra algo que ameaça tudo o que ama… (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Chá das Cinco
    Ano: 2018
    Pags: 301
    ISBN: 978-989-710-304-9
  • Quase que os vi viver - de Vitorino Menesio

    20200228101023[1]

    Escritor português natural da Ilha Terceira, nos Açores (1901-1978), foi professor da Faculdade de Letras de Lisboa. Colaborou na revista Presença e dirigiu a Revista de Portugal. Poeta, ficcionista, ensaísta, cronista, crítico literário, recebeu o Prémio Nacional de Literatura em 1966. De entre as suas obras, são de destacar Festa Redonda (1950), Nem Toda a Noite a Vida (1952), O Pão e a Culpa (1955), O Verbo e a Morte (1959), O Cavalo Encantado (1963), Canto da Véspera (1966), Sapateia Açoriana (1976) e ainda o romance Mau Tempo no Canal (1944). (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Bertrand
    Ano: 1985
    Pags: 382
  • Sabrina - de Nick Drnaso

    20200115171122[1]

    O que terá acontecido a Sabrina? A resposta é revelada numa cassete de vídeo, enviada às redações de vários órgãos de comunicação social e cujo conteúdo, rapidamente, se torna viral.

    Sabrina é uma novela gráfica que vem estabelecer um marco na história deste género literário: foi a primeira a ser selecionada para o Booker Prize e tem sido consensualmente aclamada como uma das mais empolgantes e comoventes narrativas dos últimos anos.

    Fábula dos tempos modernos, marcada por uma ansiedade no limite da paranoia e onde um rastilho de fake news, teorias da conspiração e muita especulação anuncia uma explosão iminente, este é um livro sobre aqueles que são apanhados pelos destroços de uma tragédia, que tem algo a dizer sobre o modo como vivemos e que promete desinquietar quem o ler.

    «Uma obra-prima», nas palavras de Zadie Smith, «maravilhosamente escrita e desenhada, possuindo todo o poder político da polémica e em simultâneo toda a delicadeza da verdadeira grande arte. Assustou-me. Adorei.»

  • Testamento VGM - de Vasco Graça Moura

    20200227153200[1]

    Neste poema autobiográfico (e de balanço de vida) escrito por altura do seu sexagésimo aniversário à maneira de um testamento, Vasco Graça Moura vai buscar inspiração à matriz de François Villon, poeta maldito da Idade Média francesa, mais concretamente ao seu poema «Le testament». Inicia-se este (de 1461) com a referência de Villon ao seu trigésimo aniversário («en l’an de mon trentième âge»). Graça Moura replica-o (dobrando o número de anos) no primeiro verso deste livro, em que se lê «no ano em que sou duplo trintão».

    Estas baladas cantam os amores, trabalhos, filhos, amigos, inimigos, a cidade natal, o ofício literário, a paixão pela pintura e a sua natureza mais íntima.
    No ano em que se completam cinco anos desde a morte de Vasco Graça Moura, e no ano em que completaria 77 anos, a Quetzal recupera este extraordinário poema cheio de humor, autoironia e ternura. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Quetzal
    Ano: 2019
    Pags: 73
    ISBN: 978-989-722-585-7
  • Todas as Palavras  - de Manuel António Pina

    20200228102814[1]

    Plano Nacional de Leitura
    Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura.

    Corria o ano de 2001 quando a Assírio & Alvim publicou a primeira edição da Poesia Reunida de Manuel António Pina. Pouco depois escrevia Eduardo Prado Coelho no Público: «Talvez agora, no momento em que a Assírio & Alvim publica a Poesia Reunida de Manuel António Pina, estejamos em condições de poder afirmar que nos encontramos perante um dos grandes nomes da poesia portuguesa actual. Uma extrema delicadeza pessoal, uma discrição obsessiva, uma cultura ziguezagueante e desconcertante, mas sempre subtil e envolvente, um sentido profundo da complexidade da literatura, e também, sobretudo, da complexidade da vida, têm talvez impedido a descoberta plena e mediática deste jornalista e homem de letras também voltado para os jogos mais leves e embaladores da literatura infantil. Contudo, torna-se imperioso dizê-lo agora: este tom deliberadamente menor sustenta uma obra maior da literatura portuguesa». A edição que agora se apresenta, numa belíssima edição encadernada e substancialmente ampliada, inclui todo o trabalho poético do autor de 1974 a 2011. (in: www.wook.pt)


    Editora: Assirio e Alvim
    Ano: 2018
    Pags: 395
    ISBN: 978-972-0-79293-8
  • Ultimas Noticias do Sapiens - de Silvana Condemi

    20200110113635[1]

    Pensava-se que tivesse aparecido algures na África Oriental há 200 mil anos e eis que a sua presença é detetada muito antes e em todo o continente. Julgava-se que saíra do seu berço há 80 mil anos, até se terem descoberto, na China, fósseis muito mais antigos. Além disso, a genética mostrou que há 400 mil anos partilhávamos o planeta com outras três espécies do género Homo, hoje desaparecidas e com as quais nos miscigenámos!

    É pois urgente fazer o ponto da situação relativamente aos nossos antepassados e ouvir as últimas notícias do Sapiens. Dos australopitecos ao Neolítico, os autores contam-nos a fascinante saga de um estranho primata, transformado para todo o sempre pela evolução e pelo nosso bem mais precioso: a cultura. (in: www.wook.pt)

     

    Editora: Temas e Debates 
    Ano: 2019
    Pags: 157
    ISBN: 978-989-644-580-5

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados