Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Vingança – uma ópera do tempo da Todi e da Madonna | Nova produção de Jorge Salgueiro com estreia nacional em Palmela

Vinganca 1 1024 2500
2020/10/14

A segunda criação da Companhia de Ópera de Setúbal, com a colaboração do Ateliê de Ópera de Setúbal, do Coro Setúbal Voz e do Ensemble de Saxofones de Palmela - “Vingança – uma ópera do tempo da Todi e da Madonna” - apresenta-se em estreia nacional no dia 31 de outubro, no Cineteatro S. João em Palmela.

Concebida e dirigida por Jorge Salgueiro, a partir de “A Vingança da Cigana” com música de António Leal Moreira e libreto de Domingos Caldas Barbosa, estreada em 1793, esta ópera terá duas recitas, às 18h00 e 22h00.
O espetáculo, organizado pela Câmara Municipal de Palmela, insere-se na programação Outubro – Mês da Música e tem entrada gratuita, mediante levantamento de bilhete.

Sinopse:

“Uma rua. Comerciantes, amigos, vizinhos.
Três pares de namorados. Vão todos casar no mesmo dia.
Angélica e Angelina conheceram-se no convento, fugiram.
Julgavam que fora dele encontrariam a liberdade.
E nós? Vivemos em liberdade? Queremos mesmo a liberdade?
E sangue? Gostamos de sangue? Somos ávidos não somos?
Em 1973 estreava a ópera de António Leal Moreira "A Vingança da Cigana" com libreto de Domingos Caldas Barbosa.
Jorge Salgueiro revisitou a obra e nada ficou intacto.
Uma nova dramaturgia e uma nova música construídas a partir do mesmo esqueleto.
Um espetáculo com a Companhia de Ópera de Setúbal, o Coro Setúbal Voz e o Ensemble de Saxofones de Palmela sob a direção de Jorge Salgueiro”.

Cartaz

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados