Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Historial e bibliotecas da rede

 

 

A Rede Municipal de Bibliotecas Públicas do Concelho de Palmela é constituída por três Bibliotecas Municipais: Palmela, Pinhal Novo e Quinta do Anjo e um pólo: Marateca.

Início do Projeto

O projeto iniciou-se em 1987, com a assinatura do Contrato Programa para a Criação da Rede de Bibliotecas de Leitura Pública, entre a Câmara Municipal de Palmela e o então IBL – Instituto da Biblioteca Nacional e do Livro.

Da assinatura do Contrato resultou a inauguração da Biblioteca Municipal de Palmela a 26 de Outubro de 1990.

Transferida para instalações provisórias durante alguns anos, foi elaborado novo projeto, de que resultaram as atuais instalações, inauguradas a 16 de Abril de 2005.

O concelho de Palmela, com uma área de cerca de 460 Km2, é muito extenso, essencialmente rural, caracterizado por povoamento disperso, e no qual existem dois grandes pólos habitacionais de caráter mais urbano – Pinhal Novo e Palmela.

Face a esta realidade espacial e demográfica, desde logo se sentiu a necessidade de alargar os serviços da biblioteca pública à maior parte da população do concelho. Objetivo, que foi concretizado através da criação de novos serviços, descentralizados da sede do concelho.
Em Novembro de 1994, no Pinhal Novo, foi inaugurado o primeiro serviço de biblioteca, em instalações provisórias e de área reduzida. A atual Biblioteca Municipal de Pinhal Novo foi inaugurada a 1 de Junho de 1999.

A 30 de Novembro de 1997 são inauguradas as primeiras instalações do Pólo da Marateca, sendo em 2004 transferido para as atuais.

O Pólo de Poceirão é inaugurado a 16 de Abril de 2000 e encontra-se integrado nas instalações do Centro Cultural do Poceirão.

A Biblioteca Municipal de Quinta do Anjo foi o último serviço a ser integrado na Rede, a 7 de Dezembro de 2001.

O projeto de Rede consolidou-se em 2000, quando a aquisição do novo sistema informático, veio permitir a constituição de um catálogo bibliográfico coletivo de fundos e utilizadores. As distâncias entre os cinco serviços de biblioteca reduziram-se, tornando-os mais próximos uns dos outros e de todos os potenciais utilizadores dos serviços através da disponibilização do catálogo na Internet, acessível através do site da autarquia.

Desde então, cada dia que passa coloca-se o desafio de se consolidar e dar continuidade ao projeto de Rede, tendo sempre em vista a diversidade e qualidade dos serviços prestados aos utilizadores.

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados