Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Dia da Restauração do Concelho assinalado com programa simbólico

Homenagem postuma 1 1024 2500
2020/10/30

O Dia da Restauração do Concelho de Palmela (1 de novembro) é assinalado pelo Município com um conjunto simbólico de iniciativas de celebração desta data histórica.

Do programa das Comemorações do 94.º Aniversário da Restauração do Concelho de Palmela, destaque para a inauguração do Monumento Arco da Ponte, em Pinhal Novo, uma criação dos artistas locais Kim Prisu, João Palmela e Pedro Botelho.

As comemorações incluem também a habitual Homenagem Póstuma aos Restauradores do Concelho de Palmela e aos Mortos em Combate na I Grande Guerra Mundial, com deposição de flores junto ao Monumento a Joaquim José de Carvalho e aos Combatentes da I Grande Guerra, numa organização do Grupo dos Amigos do Concelho de Palmela com a Câmara Municipal.

Nos canais digitais da Autarquia (Facebook, Instagram e Youtube Palmela Município), vão ainda ser divulgados vídeos comemorativos do 25.º Aniversário dos Programas Municipais Desportivos de Judo e Basquetebol.

Criado em 1185, por foral concedido por D. Afonso Henriques e o seu filho Sancho, o concelho de Palmela foi extinto por um período de 71 anos (de 1855 a 1926), tendo sido integrado no de Setúbal, no quadro da Reforma Administrativa de 1855, que reduziu o número de concelhos no território nacional.

Nos anos 20, foi formalmente constituída a Comissão Pró-Restauração do Concelho de Palmela, integrando as/os cidadãs/ãos de Palmela que, desde então, representaram a vontade de autonomia das populações. O longo processo de luta pela Restauração do Concelho culminou em 1 de novembro de 1926.

Programa

1 de novembro |10h00 | Jardim Joaquim José de Carvalho
Deposição de flores junto ao Monumento a Joaquim José de Carvalho e aos Combatentes da I Grande Guerra
Org.: Grupo dos Amigos do Concelho de Palmela e Câmara Municipal de Palmela

1 de novembro | 11h00 | Pinhal Novo
Inauguração do Monumento Arco da Ponte
O Arco da Ponte situava-se, originalmente, na Rua de Olivença, em Pinhal Novo, e foi edificado nos anos 30 do séc. XX. Há 18 anos, foi desmantelado, no âmbito das obras de eletrificação da via férrea. Referencial de memória da comunidade, levou a que a Autarquia lançasse o convite a três artistas locais - Kim Prisu, João Palmela e Pedro Botelho - para a construção de um memorial do Arco da Ponte, que representa a ligação entre dois espaços e dois tempos: o urbano e o rural, o passado e o presente.
Org.: Câmara Municipal de Palmela

1 de novembro | 15h00 | Canais digitais do Município
Publicação dos vídeos comemorativos do 25.º Aniversário dos Programas Municipais Desportivos de Judo e Basquetebol
25 anos na promoção destas duas modalidades, que evocam os inúmeros praticantes, a formação e um vasto leque de competições que, pela mão do Desporto, têm levado o nome de Palmela ao panorama desportivo nacional e internacional.
Org.: Câmara Municipal de Palmela

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados