Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Cineteatro S. João e Igreja da Misericórdia classificados como Monumento de Interesse Público

Cineteatrosjoao 1 750 2500
28 Dezembro 2012
O Cineteatro S. João e a Igreja da Misericórdia de Palmela foram classificados como Monumento de Interesse Público.

Foram publicadas em Diário da República, a 24 de dezembro, as Portarias que classificam como Monumento de Interesse Público o Cineteatro S. João e a Igreja da Misericórdia de Palmela. Foi, também, fixada a Zona Especial de Proteção do Cineteatro, que visa salvaguardar o seu enquadramento arquitetónico e a sua ligação visual com o tecido urbano próximo e, em especial, com o Largo de S. João. A classificação dos dois imóveis, inseridos no Centro Histórico da vila, defende e valoriza o património histórico e cultural do concelho.

Sala de espetáculos por excelência do concelho e da região, o Cineteatro foi mandado erigir por Humberto da Silva Cardoso e abriu portas a 26 de julho de 1952. O arquiteto Wily Braun, o engenheiro Pedro Cavalleri e o encarregado da construção, António Ventura, deram corpo a um edifício harmonioso, sóbrio, com amplos espaços interiores e uma sala recheada de pormenores decorativos. Encerrado em 1981 e reaberto em 1991, depois da aquisição pela Câmara Municipal, o equipamento cultural foi alvo de uma intervenção profunda de recuperação entre o final de 2009 e o primeiro trimestre de 2010. A intervenção incidiu no restauro e conservação dos elementos de interesse artístico e patrimonial do edifício e na realização de um conjunto de obras e infraestruturas fundamentais para a qualidade, segurança e modernização do edifício, de acordo com os novos usos e valências que, atualmente, comporta.

A Igreja da Misericórdia de Palmela é testemunho simbólico e religioso da Irmandade da Misericórdia, fundada na vila, em 1529. As obras de edificação da sua sede, que incluiu igreja e hospital, perduraram até 1566. Situado na Praça Duque de Palmela, o tempo apresenta linhas arquitetónicas austeras, com nave única, e um interior ricamente decorado com azulejos de manufatura anterior a 1640, painéis azulejares do início do século XVIII e altares-urna de talha dourada, em Estilo Nacional.

Município de Palmela © 2015 | Todos os direitos reservados